CASO CLÍNICO – Insuficiência Cardíaca Congestiva, Incontinência Urinária e Mucometra.

DSC04148Animal: Stéfanie

Raça: Cocker Spaniel Americano

Idade: 13 anos

Sinais clínicos: tosse úmida bastante frequente, estertores pulmonares, síncopes ( desmaios), incontinência urinária e mucometra ( secreção vaginal mucóide)

O diagnóstico se deu no mês de maio/2009 e foi baseado na sintomatologia clínica, raio-x de tórax que mostrou diâmetro cardíaco bastante aumentado com elevação de traquéia ( o que provoca as tosses) e pulmão com líquido decorrente da cardiopatia. Foi realizado ultrassom onde percebeu-se leve aumento de útero com um pouco de secreção nesse. Pelo exame físico durante consulta, paciente com estado geral ótimo e nenhum outro sintoma significativo além da incontinência urinária relatada.DSC04144

Optou-se por tratamento apenas pela homeopatia e acupuntura, com antibioticoterapia para mucometra durante 30 dias. Animal recebeu arsenicum CH30 e  quando apresenta piora do quadro ou crises de tosse forte recebe arsenicum CH100. Iniciou tratamentos de acupuntura com sessões duas vezes na semana durante 30 dias, depois uma vez na semana durante mais 30 dias , e então sessões quinzenais por mais um mês e a partir daí até agora sessões mensais.

Observou-se logo após a primeira dose de homeopatia melhora significativa do quadro de estertores pulmonares, e diminuição significativa da tosse e das síncopes.

 Já a incontinência urinária  diminuiu após a primeira sessão de acupuntura e cessou no primeiro mês de tratamento. O corrimento vaginal melhorou após o primeiro mês de tratamento e cessou logo em seguida.DSC04143

Porém , é importante que se dê nota, nesse caso, a mucometra respondeu ao tratamento alternativo pois houve antibioticoterapia adequada e era sutil, além de que o proprietário, tinha consciência de que o recomendado para esses casos é a cirurgia com remoção uterina e pode ocorrer recidiva do corrimento a qualquer momento nesses casos de tratamento conservador. Portanto, é  feito regularmente para controle os exames de ultrassom e de sangue.

037 (2)Já a cardiopatia necessita de tratamento para toda a vida ( assim como na alopatia), dessa forma receberá novas doses homeopáticas somente quando necessário e as sessões mensais de acupuntura.

E quanto a incontinência urinária, animal respondeu 100% ao tratamento alternativo.

E assim obtemos o esperado de qualquer tratamento, uma melhora de qualidade de vida do animal e o máximo possível de longevidade associado a essa, com o mínimo ou como nesse caso, sem nenhum efeito colateral.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s