Mitos e verdades sobre homeopatia

As pessoas muito questionam a respeito da aplicação e eficácia da homeopatia, assim como tudo aquilo que é uma novidade. Logo então, vêm os comentários e explicações de curiosos ou profissionais não muito estudados da área que prolongam ainda mais as respostas errôneas que viram em mitos ou lendas… mas infelizmente, muitas vezes tornam-se a barreira para que muitos procurem determinado tratamento.

” Quanto mais palpável é uma verdade, mais tempo requer para conquistar o lugar a que tem direito.Os obstáculos que se colocam em seu caminho, se devem a que essa verdade desencadeia ao seu redor um verdadeiro ódio.Pois, ela anuncia uma revolução, uma perturbação dos interesses existentes e dos lugares conquistados.”                     Samuel  Hahnemann

1- Homeopatia é tratar com chás??

Não. Os chás entram em tratamentos da fitoterapia. A homeopatia pode ter medicamentos extraídos de plantas, mas não são preparados como chás. Os medicamnetos homeopáticos sejam eles do reino vegetal, mineral ou animal, precisam ser diluídos e dinamizados para se chegar na potência adequada ao paciente, na forma de pó, líquido ou glóbulos.

2- A homeopatia demora para fazer efeito??

Não necessariamente. Esse é um mito que cresce ainda mais com até nosso próprio dito popular ” em doses homeopáticas” para se referir a algo lento, devagar.. O efeito da homeopatia vai variar se a doença é aguda, o estado do paciente, a qualidade de sua energia vital, entre outros fatores. Asssim como a alopatia em casos de doenças crônicas demora para surtir efeito a homeopatia também pode levar um tempo.

Mas casos agudos e até emergenciais como vômitos ou diarréias,  intoxicações, convulsões e envenenamentos podem demonstrar uma resposta eficaz em poucos minutos.

3- “O remédio homeopático é apenas uma água com efeito placebo.”

O medicamento homeopático é diluído em água.  A matéria extraída de plantas, animais ou vegetais que é o princípio do medicamento homeopático, pode ser presente de forma pequena ou até nula no medicamento pronto. Porém, hoje já se é provado pela física quântica de que a água possui memória. Então, por mais forte que seja sua potência, isto é, por menor que seja a quantidade de matéria presente, há princípio ativo em todos os medicamentos homeopáticos. Quanto mais diluído em água, mais potente ele se torna. Pois o princípio que é misturado com a água passa uma informação a mesma, e isso é provado pelo próprio efeito observado nos pacientes que a recebem. Sendo assim, não se trata apenas de água, pois ela foi diluída e dinamizada com o seu princípio, logo, vai causar um efeito no organismo, sim.

Não há efeito placebo na homeopatia, prova-se isso com a eficácia cada vez mais crescente na medicina veterinária e na agronomia, onde não há avaliação de efeitos psicológicos. Prova-se isso também com o retorno de pacientes humanos aos consultórios homeopáticos e pela procura desses maior a cada dia.

4- ” Sou espírita por isso acredito em homeopatia.”

A homeopatia trata a energia do paciente, que está desorganizada. Quando falamos em energia, ainda existem pessoas, que consideram isso como parte de alguma religião. Esse é um assunto que nada tem a ver com essa energia de que falamos. Independente de crenças, filosofias, seitas ou religiões, a homeopatia é uma MEDICINA que procura reequilibrar a energia vital do indivíduo. A energia FÍSICA, aquela que nos dá vida, que é responsável por todo nosso metabolismo e funcionamento de nosso organismo.

5- Não se pode usar homeopatia com vacinas??

Depende do critério de cada homeopata. Eu, particularmente, aprovo o uso de vacinas, porém de forma criteriosa. Mas um animal que recebe uso de vacinas, pode sim recber homeopatia, sem contra-indicações.

6- Não se pode usar homeopatia com alopatia??

Na maioria dos casos não há problemas em se associar as duas terapias, e em alguns casos até é desejável que isso se faça. Depende também do critério do homeopata e da condição do enfermo.

São duas terapias que trabalham por caminhos diferentes, a homeopatia pela lei dos semelhantes buscando uma autocura do organismo e a alopatia pela lei dos contrários causando uma supressão dos sintomas. Então é necessário uma avaliação para que se possa optar por uma ou outra ou ainda, ambas.

7- Homeopatia agrava os sintomas da doença??

Em alguns casos. Muitas pessoas, às vezes, têm medo de utilizar a homeopatia devido a essas reações que PODEM causar.

Mais uma vez repito, que dependerá do estágio da enfermidade e também da qualidade de energia do enfermo.  Nesse caso ainda dependerá também da potência do medicamento.

 Como trabalhamos com a energia do paciente, há casos em que o caminho para a cura  se dá através de um “agravamento” do sintomas, isto é, o medicamento homeopático provoca uma ” doença artificial” no paciente para que então sua energia possa se reestruturar e vir a cura.

Porém nem sempre é o que acontece, e também não é o objetivo do tratamento homeopático. Quando acontece nos mostra que o medicamento escolhido foi eficaz e é o mais semelhante ao paciente.

É essencial dizer que esses sinais não se tratam de uma ” intoxicação”  do organismo, nada que será prejudicial ao paciente.

8-  ” Vou me tratar com a homeopatia, porque se não fizer bem, pelo menos mal não faz.”

Essa é uma das maiores lendas da homeopatia. Por se tratar de uma medicina natural, as pessoas acreditam que não cause efeitos nocivos.

Quando mal aplicada, pode causar danos ao organismo, sim. O medicamento administrado de forma errônea pode suprimir alguns sinais importantes ou ainda agravar outros; assim como na alopatia indiscriminada. Por isso jamais se automedicar  e sempre buscar um profissional com especialização. 

9- O medicamento que foi usado para o cão da minha vizinha que estava com diarréia pode ser usado para o meu também??

Não, em hipótese alguma. Na homeopatia tratamos de formas individual cada paciente, por mais que o diagnóstico pela medicina tradiconal ocidental seja o mesmo, que os sintomas sejam o mesmo, o tratamento homeopático é diferenciado para cada enfermo. Pois tratamos o indivíduo e não a doença.

Um comentário em “Mitos e verdades sobre homeopatia”

  1. estou usando essa alternativa, depois de usado remedios tradionais para depressea. Nao sei dizer ainda a sua eficacia mas, ja sinto algo diferente na minha postura, com relaçao a alguns comportamentos. Acredito que dara certo.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s