CASO CLÍNICO – HOMEOPATIA E DERMATITE

Paciente: Nina

Raça: Akita

Idade: 5 anos

Queixas principais e diagnóstico:

Animal estava apresentando há aproximadamente um ano lesões de pele caracterizadas por alopecia generalizada ( falhas de pêlo por todo o corpo), muitas feridas na pele como crostas, pápulas, comedões, espalhadas pelo dorso, abdômen, virilhas, membros. A sua cauda estava hiperpigmentada e sem pêlos ( chamada “cauda de rato”). O prurido (coceira) era intenso. A pele estava  avermelhada no corpo todo. Além disso, a cadela estava emagrecendo e apresentando cio há cada 15 dias.

Através de exame de pele e ultrassom realizado por outra veterinária que me encaminhou o caso, notamos um caso de piodermatite e ovário policístico.

O paciente já havia se submetido ao tratamento alopático porém com insucesso.

Tratamento:

Entramos com apenas o tratamento homeopático, sendo administrado o medicamento, encontrado para essa paciente, por via oral, três vezes ao dia, durante 05 dias. Após 30 dias já era visível os resultados. O animal estava mais ativo, mais brincalhão, estava engordando e não apresentou mais cio. A pelagem estava crescendo, mais brilhosa e a vermelhidão havia sumido. A pelagem da cauda também já estava praticamente normal. As feridas diminuíram significativamente assim como o prurido.

Foi administrado mais uma dose do medicamento homeopático após 45 dias da primeira dose, e dessa vez em dose única. O animal vem apresentando uma melhora progressiva do quadro clínico.

Conclusão:  

O animal obteve um maior bem estar demonstrado claramente pela sua melhora de pele e seu estado geral. Animal está mais ativo e brincalhão, pois a homeopatia possibilita uma mudança do interior para o exterior do indivíduo, tratando não somente suas lesões externas (pelagem) mas também permitindo uma mudança energética em seu campo psíquico (mental). Por isso dizemos que trata o paciente como um TODO.

Os resultados vieram rapidamente, desmitificando que a homeopatia é para longo prazo. Cada caso se manifesta de acordo com o estágio da doença.

Houve uma maior praticidade no tratamento e uma relação custo-benefício bastante favorável.

  Todas as fotos mostradas são da paciente  após os 45 dias da primeira dose do medicamento homeopático.

2 thoughts on “CASO CLÍNICO – HOMEOPATIA E DERMATITE”

    1. Olá Aline,não costumo divulgar os nomes dos medicamentos para evitar auto medicação. Pois é comum as pessoas associarem o tratamento como na alopatia, e na homeopatia tratamos o indivíduo e não a doença. Então o medicamento utilizado neste caso dificilmente vai ser o mesmo para outro cão por mais que seja um problema de pele parecido. Eu trabalho com o medicamento único homeopático pela lei da similitude, individualizando meu paciente. O medicamento é manipulado em farmácia de manipulação, diluído e dinamizado conforme os princípios da homeopatia. Espero ter esclarecido!

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s